Disciplina Curricular

Ciência e Cultura CCul

Mestrado Integrado em Engenharia da Energia e do Ambiente - 6_Plano 2015/16 (Mest. Int)

Contextos

Grupo: 6_Plano 2015/16 (Mest. Int) > 1º Ciclo > Optativas > 1º Ano > 450_Formação Cultural Social e Ética - FCSE

Período:

Peso

6.0 (para cálculo da média)

Objectivos

Ciência como fenómeno social e cultural. Discussão de aspectos das interações entre ciência, cultura e sociedade, do século XVII ao século XX. A representação da ciência e dos cientistas na literatura (romance, ficção, divulgação científica, banda desenhada), cinema, teatro e pintura.

Programa

Introdução - Apresentação do programa, bibliografia e avaliação. Revolução Científica (séculos XVI e XVII) - As viagens de Gulliver de Jonathan Swift. Aspectos da cultura científica nos séculos XVII e XVIII. Ciência e Iluminismo (século XVIII) - Revolução na química e revolução francesa: Jacques Louis-David, Antoine-Laurent Lavoisier e Marie-Anne Paulze Lavoisier. - A peça de teatro Oxygen de Carl Djerassi e Roald Hoffman a Revolução na química Ciência e romantismo (século XIX) - Mary Shelley e Frankenstein ou o Moderno Prometeu. Aspectos da cultura científica no século XIX. - Ciência e popularização da ciência. Júlio Verne, ciência popular e A Volta ao Mundo em 80 dias. Ciência no século XX - Einstein, o mito. Einstein e a teoria da relatividade. - Einstein e Eddington: Três histórias em torno de um eclipse. Einstein em Portugal - Ciência e banda desenhada: Hergé, Tintim, a representação dos cientistas e a ciência no período da Guerra Fria. Big Science e a corrida espacial. Ciência no século XXI - Antropoceno e os desafios atuais para a humanidade e para o planeta Terra. Dicotomia entre natureza e cultura. Bibliografia: Os alunos deverão ler todos os livros objecto das aulas teóricas, que serão disponiblizados no moodle. Serão ainda disponiblizados uma selecção de artigos ou textos e apontamentos/ PPTs das aulas. Para os mais interessados segue uma lista de livros que poderão gostar de ler: • Mark Erickson, Science, Culture and Society. Understanding science in the 21th century (Cambridge: Polity Press, 2005). • A.F. Chalmers, What is this thing called science? An assessment of the nature and status of science and its methods (The Open University Press, Milton Keynes, 1980). • Patricia Fara, Pandora’s breeches. Women, science and power in the Enlightenment (London: Pimlico, 2004). • Peter J. Bowler, Iwan Rhys Morus, Making modern science. A historical survey (Univ. Chicago Press, 2005). • David N. Livingstone, Putting science in its place. Geographies of Scientific Knowledge (Chicago: Chicago university Press, 2003).

Métodos de ensino e avaliação

Dois testes obrigatórios. Se no primeiro teste o aluno tiver uma nota inferior a 8 valores, no segundo teste/exame será avaliado sobre toda a matéria e a nota final será a nota do segundo teste/exame. Se no primeiro teste o aluno tiver uma nota superior ou igual a 8, há duas hipóteses: segundo teste sobre a matéria dada após o primeiro teste, sendo a nota final a média dos dois testes; segundo teste/exame sobre toda a matéria e a nota final será a nota do segundo teste/exame. Finalmente, haverá uma data de exame para todos aqueles que não tenham tido positiva ou queiram subir a nota. Para os que não tiveram nota positiva, a nota final será a nota do exame; para aqueles que tiveram nota positiva e que fizeram o exame (melhoria), a nota final será a melhor das duas notas. Os testes/exames serão compostos de 5 perguntas de desenvolvimento, tendo o aluno que responder a 4.

Disciplinas Execução

2018/2019 - 1 Semestre

2017/2018 - 1 Semestre